WP 111 Efeito dos Preços dos Alimentos sobre o Estado Nutricional dos Jovens Brasileiros

RESUMO –  Este artigo analisa a influência dos preços dos alimentos sobre o estado nutricional dos jovens brasileiros. A análise utiliza dados da POF e prossegue em três etapas. A primeira estima um modelo para identificar a aquisição individual de calorias a partir da aquisição agregada domiciliar que é informada nos dados. A segunda etapa estima um modelo que relaciona o Índice de Massa Corpórea e o consumo calórico. E a última estima um sistema de demanda de alimentos em âmbito individual. Todas as etapas utilizam variáveis instrumentais. A identificação dos efeitos da aquisição calórica sobre estado nutricional, juntamente com as estimativas de um sistema de demanda completo nos permite obter o grau de sensibilidade do estado nutricional (representado pelo IMC) em relação aos preços de diversas categorias alimentares. As elasticidades-preço do IMC sinalizam como taxações e/ou subsídios podem melhorar o estado nutricional da população. Um formulador de políticas que objetiva incentivar o consumo de determinados alimentos via subsídios (impostos), deve levar em conta todas as relações existentes entre os bens, que só podem ser obtidas através da estimação de um sistema completo de demanda. Download do Paper Ano: 2017 Working-paper: 111 Maria Micheliana da Costa Silva Ler todos os Posts de Maria Micheliana da Costa Silva’s Share...

Leia mais